Guia de raças: yorkshire

Conhecido como “cachorrinho de madame”, o Yorkshire Terrier é um cão muito simpático e um dos mais desejados em todo o mundo. Apesar de seu pequeno porte, ele é considerado um cão muito inteligente, vivaz, ativo, curioso e superprotetor.

A raça foi criada por operários durante o século XIX, que trabalhavam em Yorkshire, o maior condado do norte da Inglaterra, e que deu origem ao nome da raça. O cão é resultado de cruzamentos entre diversas raças, dentre elas o Airdale Terrier, English Black Terrier, Tan Terrier e Cleydesdale Terrier.

O Yorkshire Terrier fez bastante sucesso entre os burgueses que habitavam o condado, por isso a raça começou a ser apresentada em exposições caninas. Fora das competições, essa raça era vista com mais frequência, acompanhando as madames endinheiradas da região, assim como de toda a Inglaterra.

Características da raça

O York se adapta muito facilmente a novos ambientes. São animais de estimação adequados para muitos lares, principalmente para quem mora em apartamento. Sua pelagem é o maior destaque dentre suas características, pois pode chegar a 37 centímetros de comprimento, com fios muito lisos e finos, lembrando a textura de cabelos humanos. Ele está sempre ocupado, tem a personalidade forte, é teimoso e pode ser agressivo com cães estranhos e outros animais pequenos.

Um pouco de atenção ao tamanho do cão é importante, pois existem variações de raças que estão fora do padrão. Os Yorkshires têm uma expectativa de vida bastante longa e apresentam poucos problemas de saúde. No entanto, estas variações denominadas “mini”, “anão” e “toy” são mais agitadas, latem muitos e são muito mais propensos a terem problemas de saúde.

Muito inteligente, o Yorkshrie Terrier é um cachorro de fácil adestramento. Desenvolvido originalmente como uma raça de trabalho, o Yorkshire terrier é obediente e gosta de trabalhar para o seu dono. Como se trata de um cão ativo e com muita energia, esta raça precisa de exercícios físicos regularmente. Deve ser constantemente estimulado por meio de brincadeiras, treinamentos de obediência, caminhadas e demais atividades para manter sua mente ocupada. Como resultado, o cachorro desta raça deverá mostrar-se calmo, tranquilo e extremamente companheiro.

Made with Repix (http://repix.it)Os cães da raça Yorkshire Terrier são ainda considerados bons cães de guarda. Adoram latir e sempre estão prontos a dar o alarme quando um estranho se aproxima. Cães bem treinados e socializados desde cedo podem ser muito mais fáceis de se controlar, especialmente aqueles que recebem doses adequadas de atenção e atividades físicas com regularidade.

Estes cães também precisam de uma liderança gentil, para que não fiquem teimosos. As cores desta raça variam entre azul-aço, cinza, preto, prateado e caramelo ou fulvo, como é chamado.

Graças ao seu tamanho, que chega a 23 cm de altura e a 3kg, a raça se dá melhor com crianças mais velhas que já foram ensinadas a respeitá-los, do que com bebês e crianças pequenas. Estes cães podem ficar mal-humorados, se forem provocados ou assustados.

O Yorkshire não late muito, só late em momentos que fogem da rotina da casa. Essa raça não solta muitos pelos, mas para isso mantenha o seu cão sempre alimentado com ração Super Premium e evite dar comidas que não sejam apropriadas para cães.

Características do Yorkshire

– Alta energia
– Não precisa de muito exercício
– Grau de apego ao dono: médio
– Relacionamento com outros cães: tímido
– Relacionamento com outros animais: tímido
– Relacionamento com estranhos: amigável
– Fácil de treinar
– Baixo nível de proteção
– Cuidados com pelo: alto
– Baixa tolerância ao frio
– Média tolerância ao calor
– A expectativa de vida varia entre 12 a 15 anos.
– O Yorkshire não late muito, só late em momentos que fogem da rotina da casa.

Preço varia de R$ 1.500,00 a R$ 4.000,00.

MATÉRIAS RELACIONADAS